Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

cuida-te bem

A chave para resolver muitas situações do dia-a-dia como uma gripe, insónias ou a falta de ânimo pode estar à nossa volta: a Natureza. Com a Natureza podemos cuidar da casa, da saúde, da beleza sem segredos.

cuida-te bem

Vitamina B2 (Riboflovina): olhos, pele, boca, cabelo e metabolismo

Cópia de Cópia de Vitamina.png

 

A Vitamina B2 ou Riboflavina, no organismo humano, favorece o metabolismo das gorduras, hidratos de carbono, açúcares e proteínas e é importante para a saúde dos olhos, pele, boca e cabelos.

1024px-Riboflavin.svg.png

 

 

A Riboflavina é uma Vitamina hidrossolúvel, estável ao calor e ao oxigénio, mas sensível à luz que leva à sua degradação.

 

 

Funções da Vitamina B2

A Vitamina B2 exerce uma ação importante na respiração celular (oxidação celular) e na produção de energia. Participa no metabolismo dos hidratos de carbono e das gorduras e exerce ação promotora do crescimento.

A Riboflavina intervém no mecanismo da visão, ao nível da retina.

 

 

Carência

A sua falta manifesta-se por queratite e outros distúrbios oculares.

A carência desta Vitamina origina paralisias, degeneração dos nervos periféricos e da medula, perturbações digestivas, afeções da pele com descamação seborreica das asas do nariz e no vestíbulo das orelhas (Dermatite seborreica), fissuras das comissuras labiais. Na boca, surgem frequentemente a inflamação da língua (glossite) e coloração vermelho púrpura, acompanhada das papilas gustativas atrofiadas, inflamação das gengivas (estomatite).

O baixo consumo desta Vitamina também causa distúrbios oculares como o lacrimejo, prurido, fotofobia e inflamação da córnea ou mesmo ulceração e conjuntivite.

 

 

Toxicidade

Não é comum haver excesso de Vitamina B2 no organismo pois, sendo uma Vitamina hidrossolúvel, a sua excreção acontece rapidamente através da urina.

 

 

Fontes

Tabela alimentos.jpg

As fontes mais ricas em Riboflovina são:

  • vegetais como repolho, agrião, brócolos, couves; produtos lácteos no geral
  • ervilhas, semente de girassol, trigo, cegada
  • carnes, ovo e algumas frutas.

O leite materno é bastante importante para passar Vitaminas como a B2 para o bebé e a concentração de Riboflavina passada aumenta conforme o consumo da mãe.

Alguns medicamentos têm ações antagónicas à Vitamina B2, seja inibindo sua ação através dos recetores, ou seja por impedir sua absorção, esses fármacos são: a penicilina, a estreptomicina, contracetivos orais, a teofilina, o ácido bórico e o probenecide (e seu análogo clorpromacina).

 

Fontes:

  • Lieberman, S e Bruning, N (1990). The Real Vitamin & Mineral Book. Nova Iorque: Avery Group.
  • NIH office of Dietary Supplements. «Use and Safety of Dietary Supplements».
  • Fukuwatari T; Shibata K (2008). «Urinary water-soluble vitamins and their metabolite contents as nutritional markers for evaluating vitamin intakes in young Japanese women». J. Nutr. Sci. Vitaminol.
  • Bellows, L.; Moore, R. «Water-Soluble Vitamins». Colorado State University.
  • Maqbool A; Stallings VA (2008). «Update on fat-soluble vitamins in cystic fibrosis». Curr Opin Pulm Med.
  • The National Academies (2001). «Dietary Reference Intakes: Vitamins»
  • Dietary-supplements.info.nih.gov (2013). «Vitamin and Mineral Supplement Fact Sheets Vitamin A».
  • U.S. Department of Health and Human Services, National Institutes of Health. «Thiamin, vitamin B1: MedlinePlus Supplements»
  • Hardman, J.G.; et al., eds. (2001). Goodman and Gilman's Pharmacological Basis of Therapeutics 10ª ed. [S.l.: s.n.] p. 992.
  • «Pantothenic acid, dexpanthenol: MedlinePlus Supplements». MedlinePlus.
  • Dietary-supplements.info.nih.gov (2011). «Vitamin and Mineral Supplement Fact Sheets Vitamin B6».
  • Dietary-supplements.info.nih.gov (2011). «Vitamin and Mineral Supplement Fact Sheets Vitamin B12».
  •  Manual Merck. «The Merck Manual: Nutritional Disorders: Vitamin Introduction».
  • Organização Mundial de Saúde/Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (1998). Vitamin and mineralrequirements in human nutrition (PDF). [S.l.: s.n.] p. 99.
  • Rohde LE; de Assis MC, Rabelo ER (2007). «Dietary vitamin K intake and anticoagulation in elderly patients». Curr Opin Clin Nutr Metab Care.

 

Clica para voltar

 

⚠️ Este post tem caráter meramente informativo. Não dispensa a avaliação por um profissional de saúde.